Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

atlas de bolso

travel blog

Sex | 19.07.19

Top-5 de Moscovo

Rui Pedro Silva

 

É a capital da Rússia, é uma cidade imponente e, ao mesmo tempo, capaz de nos fazer sentir em casa num par de horas. A barreira da língua e do alfabeto existe mas pode ser contornada e fazer-nos repetir movimentos e gestos – e até expressões que assimilamos em russo – como se pertencêssemos. Parece impossível? Moscovo é mesmo assim. E este é o nosso top de coisas imperdíveis.

 

1. Relaxar na Praça Vermelha

Praça Vermelha com a Catedral de São Basílio ao fundo

Se alguma vez vos disseram que todos os caminhos vão dar a Roma, mentiram. É na Praça Vermelha que toda a gente se concentra. Lugar histórico, é grande e com motivos de interesse suficientes para haver espaço para toda a gente. O Kremlin, o Mausoléu de Lenin, a Catedral de São Basílio, o centro comercial Gum e o Museu Histórico do Estado são planos de fundo para múltiplas selfies. Passeiem, divirtam-se e se estiverem cansados deliciem-se a olhar para a azáfama da multidão enquanto se sentam no chão (sim, esta também parece ser uma tradição).

 

2. Um passeio no Metro de Moscovo

Dica: olhar sempre com atenção para cima

Tem a fama de ser um dos metros mais bonitos do mundo… e o proveito. A rede é enorme e obriga a pesquisa, mas não vão dar o vosso tempo perdido a cada plataforma que visitam. Vê-se de tudo: traços soviéticos, lindíssimos murais, estátuas e até alguma visão futurista. A frequência dos metros faz com que a experiência seja ainda mais fluida (estás a ouvir, Lisboa?).

 

3. Museu Memorial da Cosmonáutica + Centro Panrusso de Exposições

Recordações da corrida ao espaço

Estão colados um ao outro – apesar da distância – e é difícil separá-los nesta lista. Mesmo que não queiram entrar nos museus, as vistas exteriores compensam. O monumento cosmonauta é impressionante e está rodeado de estátuas de figuras como Gagarin e… Laika. Na praça ao lado, poderão ver belíssimas fontes e estilos arquitetónicos diversos em homenagem a cada uma das antigas repúblicas soviéticas socialistas.

 

4. A vista da Colina dos Pardais

Estádio Olímpico em primeiro plano

Sabe bem fugir um pouco do centro e ter uma visão mais verde e abrangente de Moscovo. É um viveiro de turistas e até de noivos acabados de casar à procura das melhores sessões fotográficas. Podem ver desde o Estádio Luzhniki à parte mais moderna da cidade, cheia de edifícios altos, passando pelas míticas igrejas de inspiração soviética.

 

5. Passeio junto ao rio Moscovo

Kremlin a servir de emplastro

É uma zona in, sobretudo junto ao Monumento a Pedro, o Grande, mas no parque Gorky, mesmo ali ao lado, terão uma experiência diferente: é lá que está o cemitério das estátuas, onde se juntaram bustos e todo o tipo de monumentos obsoletos do período soviético.